ECONOMIA FISCAL E INOVAÇÃO

Aqui no blog você se informa sobre tudo o que compete ao universo fiscal: alterações legislativas e normativas, obrigações acessórias, regimes especiais, jurisprudência, e muito mais.

A importância de investimentos em pesquisa, desenvolvimento e inovação para a superação da pandemia de Covid-19

A crise

Desde que a Organização Mundial da Saúde (OMS) declarou o surto de Covid-19 a grande pergunta é: como serão os negócios pós-covid? A crise do coronavírus propiciará um mundo pós-pandemia com ampla capacidade de transformação digital, visto que necessitamos de adequação em uma situação sem precedentes. Em escala global, inicia-se um movimento em busca do ajuste imprescindível para que se mantenham as atividades.

Por que a crise pede inovação

Todas as questões vindas à tona junto ao vírus necessitam de um esforço de pesquisa e de inovação muito grande e ágil, para que possam dar respostas em tempo de minimizar os efeitos da crise na sociedade. Temos, hoje, uma diversidade de mecanismos digitais já existentes, assim como o desafio de criar novas soluções para as novas demandas.

O Brasil tem investido muito pouco e está mal posicionado em rankings como o Índice Global de Inovação (66°). As empresas que se submetem a riscos para inovarem são mais vulneráveis ao prejuízo.

Logo, quanto mais crédito tributário for oferecido, mais incentivo ao desenvolvimento da atividade de inovação é concedido. Desta forma faz-se quase que obrigatório o uso de incentivos fiscais para que as atividades de riscos se mantenham constantes via redução de tributos.

Como a Lei do Bem pode ajudar no investimento em PD&I

A política de fomento à inovação viabiliza atividades de inovação que não aconteceriam caso aquela não existisse. O efeito da Lei 11.196/05, mais conhecida como Lei do Bem , hoje a maior linha de subsídio disponível à pesquisa, desenvolvimento e inovação nas empresas, mostra que há um crescimento no gasto em PD&I, ou seja, induz a maiores atividades de inovação, reduzindo os custos dessas atividades.

Ora, se a crise do coronavírus deixa claro que há uma necessidade de transformação, empresas que investem nesse sentido tenderão a manter-se em constante crescimento, vide necessidades do mercado.

Para o Brasil, principalmente nesse momento, não importa apenas o aumento da quantidade e redução do custo da PD&I. Torna-se necessário a ampliação da capacidade científica de modo que o país aumente sua capacidade tecnológica e sua presença e competitividade no mercado internacional. Além da necessária adequação e desenvolvimento trazidos pelo cenário pandêmico. Veja aqui como investir em PD&I.

Para que o benefício da Lei do Bem seja usufruído em seu teto máximo e de acordo com o que é esperado pelo MCTIC – Ministério da Ciência, Tecnologia, Inovações e Comunicações – faz-se essencial o assessoramento de uma consultoria científica qualificada e especialista no tema. Saiba mais sobre o assunto contatando um de nossos consultores.

Autora: Vivia Aguiar

São Paulo

Avenida Anápolis, CJ 603
Barueri, SP 

06404-250
Tel: (11) 3522-7035

Rio de Janeiro

Rua Duque de Caxias, 149
Vila Isabel, RJ 

20551-050
Tel: (21) 3527-0163

Belo Horizonte

Av. Santa Rosa, 231 – Pampulha
Belo Horizonte, MG
31275-260
Tel: (31) 4063 8194

Florianópolis

SC 406, nº 3339 Rio Tavares
Florianópolis, SC
88066-000
Tel: (48) 4042 0023

Curitiba

Rua Visconde de Rio Branco 1341, 5º Andar.
Curitiba, PR
80420-210

Tel: (41) 3797 1435

Salvador

Avenida Paralela, 13.223
Torre 6 SL 315 
Salvador, BA

41500-300
Tel: (71) 4062-9750

Brasília

Asa Sul CRS 516 – Asa Sul
Brasília, DF
70381-525
Tel: (61) 4042 7922

Antofagasta | Chile

Av. Angamos 1167
Antofagasta
Tel: +56 44 8900 584

Bogotá | Colômbia
Carrera 5 # 71-21. Torre A, Piso 5.
Tel: +57 1 5189 677
Madrid | Espanha

Calle de Gandía, 1 Adelfas
Tel: +34 91 0603228

Porto | Portugal
Rua de Belos Ares, 146
1º Porto – Fte 4100-108
Tel: +351 221 108 975

Todos os direitos reservados © – 2020- GT Consultoria