Incentivo a Pesquisa

FAPERJ foca em Middle Market

No início deste ano, Jerson Lima Silva assumiu a presidência da Faperj (Fundação de Amparo à Pesquisa do Estado do Rio de Janeiro) com um desafio: tirar a ciência, pesquisa e inovação do Estado do Rio de Janeiro da sua pior crise. Ao responder ao jornal O Globo, o mesmo disse que dentre as prioridades da sua gestão era dar fomento para estimular um aumento da qualidade e da quantidade da produção do conhecimento, aumentar a formação de recursos humanos e fazer chegar as inovações nas empresas. O Estado do Rio de Janeiro tem um setor ao seu favor, já que é uma região de produção de petróleo e consequentemente de energia, fazendo com que essa seja a área de estudo prioritária da gestão do novo administrador da Faperj.

No último dia 23 de Maio a FAPERJ lançou um edital para apoio a pesquisa dentro de empresas fluminenses. A ideia é que as pequenas e médias empresas, aquelas com faturamento até R$ 90 milhões por ano, tenham dentro de seu capital humano mestres e doutores que possam executar projetos de P&DI.

Faperj Edital

As bolsas concedidas aos acadêmicos serão de até um ano com valores de R$ 2.800,00 a R$ 5.690,00 conforme o nível de graduação, podendo ser complementadas pela empresa, mediante autorização da própria FAPERJ.

Este programa da FAPERJ, denominado “Apoio à Inserção de Pesquisadores em Empresas – 2019”, pode ser encarado como uma oportunidade interessante para que empresas dos segmentos de maior aptidão do Rio de Janeiro, como o de telecomunicações, petróleo e gás, tecnologia da informação, e biomédico, fomentem o desenvolvimento de produtos e processos com o intuito de diversificar ou aprimorar a oferta num possível momento de inflexão da economia, com a possibilidade de aprovação de reformas pelo Congresso.

RECEBA MAIS INFORMAÇÕES

Deseja receber nossas informações?

Preencha seu nome e seu e-mail e mantenha sempre atualizado.

PESQUISA E INOVAÇÃO: VISÕES E INTERSEÇÕES

PESQUISA E INOVAÇÃO: VISÕES E INTERSEÇÕES

O intuito desta obra é apresentar as relações entre conceitos, processos e resultados das áreas de pesquisa acadêmica e da área de inovação no Brasil