ECONOMIA FISCAL E INOVAÇÃO

Aqui no blog você se informa sobre tudo o que compete ao universo fiscal: alterações legislativas e normativas, obrigações acessórias, regimes especiais, jurisprudência, e muito mais.

3 formas de inovar no agronegócio para se tornar destaque no mercado

Ao investir em Pesquisa & Desenvolvimento, existe a possibilidade de concorrer a incentivos fiscais e tornar a empresa mais competitiva

O agronegócio sempre teve um peso importante na economia brasileira. De acordo com levantamentos, a área corresponde a mais de 20% do Produto Interno Bruto brasileiro. Mesmo com a queda recorde do índice no segundo trimestre o setor apresentou crescimento, graças ao interesse internacional e à perspectiva de safra recorde. Neste post você irá conferir algumas dicas para inovar no agronegócio e deixar a sua marca no setor. Confira!

1 – Incentivos fiscais de equipamentos

Às vezes, a compra de itens modernos para otimizar a produção pode assustar um pouco o investidor inicial. Porém, caso a empresa cumpra alguns requisitos, será possível obter descontos e créditos financeiros, além de concorrer em editais que financiem todo o projeto de inovação.

Um exemplo é a Lei de Informática, pela qual caso a regularidade fiscal seja comprovada e o produto esteja na Nomenclatura Comum do Mercosul, pode-se obter o benefício. Já o Rota 2030, que usa a tabela Tipi, tem uma área específica apenas para tratores, um dos veículos mais necessários para grandes áreas de plantação. Clique nos links para ter acesso aos nossos e-books e à primeira calculadora web da Lei de Informática.

Inovar no agronegócio traz mais lucros e benefícios aos produtores
2 – Em sua gestão

Não basta a empresa inovar no agronegócio se não tiver uma boa administração. Na maioria desses casos aparecem diversas dificuldades, principalmente na área financeira, e o negócio pode estar fadado ao fracasso. A inovação tecnológica é importante, mas o conceito de inovar é bem mais amplo.

Mudanças no treinamento de funcionários, estudos sobre o solo, mercado e clientes, tudo isso pode até ser financiado como Pesquisa & Desenvolvimento na Lei do Bem, que proporciona até 27,2% de todos os gastos mapeados como atividade de inovação. Portanto, é importante lembrar que, quando uma área se torna mais efetiva e inovadora, toda a cadeia ganha em produção.

3 – Na divulgação da sua marca

Por mais que a empresa seja inovadora e produza bem, se tornou muito mais importante divulgar a imagem no seu negócio na era digital. As redes sociais agora proporcionam propagandas muito mais baratas e direcionadas a um nicho específico, o que era bem mais difícil e caro de controlar com a TV aberta e os jornais.

Também é possível inovar na identidade visual, na interação com os clientes de forma mais direta e na produção de conteúdo rico. Essas áreas são essenciais para a sobrevivência de qualquer Pessoa Jurídica, principalmente em época de pandemia. Portanto, deixar o seu nome em evidência é um dos passos para o sucesso na área do agronegócio!

Quando o negócio procura por novas formas de inovar e encontra os incentivos fiscais, existe a possibilidade de ficar perdido com tantos documentos e requisitos necessários. Nesse momento, conte com a equipe da GT Consultoria! Entre em contato conosco e, dessa forma, torne sua empresa cada vez mais destacada no mercado!